The Revolutionary Association of the Women of Afghanistan (RAWA)
RAWA


 

 

Pravda.ru, April 10, 2017

III Guerra Mundial como Estratégia Imperialista

"o presidente dos Estados Unidos tem pouco ou nenhum efeito sobre a política externa do país, especialmente nos países que ocupa hoje"

Por Edu Montesanti

...

Palhaço Assassino na Casa Branca

Procurada em uma conversa particular com este autor logo que Trump vencera as eleições presidenciais em novembro do ano passado, a líder da Associação Revolucionária das Mulheres do Afeganistão (RAWA, na sigla em inglês) que se identifica apenas como Friba para sua segurança, já que a RAWA atua na clandestinidade, demonstrava desconfiança total em relação ao presidente eleito nos EUA pois, segundo a ativista afegã pelos direitos humanos, "o presidente dos Estados Unidos tem pouco ou nenhum efeito sobre a política externa do país, especialmente nos países que ocupa hoje. A administração Obama não era diferente de George Bush, e Trump não será diferente de ambos os presidentes".

Friba, quem garante que a Operação Liberdade Duradoura dos Estados Unidos no Afeganistão "causa um 11 de Setembro todos os dias" em seu país, ressaltou diversas vezes na conversa particular que Trump seria, assim como todos os inquilinos da Casa Branca, mero instrumento de um sistema imperialista. "Nenhum presidente dos Estados Unidos tem autoridade real, mas todas as políticas são estabelecidas pelas grandes corporações, pela CIA, pelo Pentágono e pelos chefes do Exército. O presidente é apenas um boneco em suas mãos. Não é uma questão de escolha de Trump nem de qualquer outro presidente dos Estados Unidos suspender a guerra".

À época Friba não apenas previa que Trump aumentaria a intensidade da guerra em seu pais, como também na própria Síria, no Iraque e na Líbia. "O Afeganistão não verá nenhuma mudança positiva, e o sírios, iraquianos e líbios sofrerão ainda mais". Pois não tardou sequer uma semana para que a voz afegã, conhecedora como poucas das "intervenções humanitárias" dos Estados Unidos, se mostrasse, desgraçadamente, certeira.

...

Artigo completo

Category: Português, Português Media - Views: 300